Digite mais de 2 letras para pesquisar.
Fundo Social de Solidariedade
Tamanho do Texto
A-
A+

Centro de Proteção da Vida Animal orienta sobre a Campanha "Outubro Rosa Pet"

A campanha tem o objetivo de conscientizar sobre o câncer de mama em cadelas e gatas

O mês de outubro se tornou um importante aliado na luta contra o câncer de mama de muitas mulheres, entretanto, o Centro de Proteção da Vida Animal - CPVA do Fundo Social de Solidariedade da Prefeitura de Votuporanga, informa que, nesse mês, também é realizada a Campanha “Outubro Rosa Pet”, contra o câncer de mama em cadelas e gatas. 

A campanha tem o objetivo de conscientizar donos de cães e gatos sobre a importância da prevenção e diagnóstico contra o câncer de mama nos pets.

Os tumores mamários são comuns em cadelas e gatas, sendo mais frequente a neoplasia em cadelas. Resultam de estímulo hormonal constante, e da aplicação de anticoncepcionais que devem ser evitados, mas pode ser prevenido com a castração.

Quando é feito o diagnóstico precoce as chances de cura são maiores, dessa forma, o CPVA orienta aos donos que realizem a palpação das mamas de sua cadela ou gata com frequência, e se encontrarem alguma alteração, procurem um médico veterinário. O principal tratamento é por meio da remoção cirúrgica do tumor.

Para qualquer dúvida, o telefone do CPVA para denúncias ou informações é (17) 3405-9700 - Ramal 9828.


Castração

O Centro de Proteção da Vida animal ainda informa que a castração é um dos melhores métodos para reduzir as chances do animal desenvolver câncer de mama, além de deixar o animal mais calmo e dócil; evitar gravidez indesejada e, com isso, diminuir a população de animais abandonados nas ruas e a ocorrência de patologias no trato reprodutivo, como infecção uterina.

A castração realizada antes do primeiro cio, reduz o risco de desenvolvimento de neoplasia mamária, em cadelas para 0,5%, após o primeiro cio para 8% e após o segundo cio para 26%. Nas gatas, a castração precoce reduz em 91% o risco de desenvolvimento de neoplasia mamária.

Em Votuporanga, desde janeiro de 2017, a Prefeitura já realizou a castração em 5.422 animais, entre cães e gatos, por meio do programa de castração. A ação prioriza fêmeas caninas e felinas, sem deixar de atender também os animais machos. A iniciativa visa atender pessoas de baixa renda ou que façam parte de algum programa social. O programa de castração tem por objetivo o controle populacional e, por meio dele, o combate ao abandono e aos maus-tratos.

Tamanho do Texto
A-
A+

Receba semanalmente as notícias desta seção.

Preencha corretamente suas informações! Os campos acima precisa de sua atenção.
Ops! O sistema não pôde atualizar o seu cadastro, por favor, tente novamente mais tarde.
Lamentamos não ter mais você com a gente! Se precisar pode voltar sempre.
Cadastro atualizado! Em breve você estará recebendo as newsletters selecionados.
OK
NOTÍCIAS RELACIONADAS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Twitter
Facebook